Terminou oficialmente neste domingo (21) a 28ª edição da Oktoberfest de Santa Cruz do Sul, no Vale do Rio Pardo, Rio Grande do Sul. A festa germânica recebeu meio milhão de pessoas e aumentou a renda anual com turismo da cidade gaúcha. Segundo Fabio Borba, presidente da Associação de Entidades Empresariais do município, a festa recebeu cerca de 500 mil visitantes durante os 12 dias de evento, cerca de 100 mil a mais do que ano passado.

O aumento do número de visitantes consequentemente aumentou a quantidade de comida e bebida consumidos no evento. 60 toneladas de alimentos e 140 mil litros de chopp foram ingeridos, injetando cerca de R$ 100 milhões na economia da cidade durante a festa. “Tivemos grandes atrações nacionais e superamos em tudo os números do ano passado. Nós, da organização, estamos cansados mas felizes pelo resultado”, afirmou Borba.

Pelo menos três mil voluntários, parceiros, produtores, empresas, patrocinadores e apoiadores trabalham para elaborar a programação durante um ano. Os carros alegóricos que tomaram as ruas durante os 12 dias de festa, começam a ser preparados três meses antes e preenchem Santa Cruz do Sul ao lado das bandinhas típicas. Ao todo, 14 grupos musicais se apresentaram, sendo que dois deles vieram especialmente da Alemanha. Shows nacionais como Fernando e Sorocaba, Jota Quest, Carlos e Jader, Skank, Roupa Nova e Thiaguinho também foram atração.

Certamente um BELÍSSIMO evento!

De fato, Santa Cruz do Sul já entrou no roteiro de viagem de todo bom amante cervejeiro. Agora é só aguardar o ano que vem, sob a promessa de um evento ainda mais grandioso.

Fonte: Globo.com

 

COMENTÁRIOS