Que a cerveja é a bebida número um do brasileiro todo mundo sabe. Que ela geladinha em cima da mesa, acompanhada daquela porção de tira-gostos é uma das combinações favoritas de todo bom bebedor, também não é novidade alguma. Contudo, uma dúvida cruel permanece no imaginário da rapaziada que se amarra num suquinho de cevada: afinal de contas, a cerveja dá ou não dá barriga?cerveja4 A cerveja e a barriga

Infelizmente, essa ainda é uma pergunta sem resposta concreta. Pesquisas recentes nos dizem que essa história de que a cerveja aumenta a barriga (principalmente dos homens) é pura balela, lenda das grandes. Os endocrinologistas não associam a bebida ao aumento da gordura corporal, mas sim ao estilo de vida adotado por quem a ingere. Já os nutricionistas alegam que, por ser uma bebida fermentada, a cerveja forma gases e consequentemente a famosa “barriguinha”.

Apesar dessa confusão toda, uma certeza é comum a todos os especialistas: o grande vilão da história são os acompanhamentos. Sim amigos, aquele tira-gosto delicioso (e gorduroso) que faz a alegria da mesa do boteco nos induz a um aumento de calorias absurdo, que se consumidos de forma rotineira torna inevitável o surgimento da indesejada “pança”. Associar toda a culpa à cerveja é injusto, visto que de todas as bebidas alcoólicas ela é uma das que apresenta menor teor calórico (1 lata equivale a aproximadamente 6% de álcool e 130 calorias).

Ok, já sabemos que exagerar nos aperitivos, aliados a um estilo de vida sedentário, são até então os principais culpados. mas após o estrago feito, como eu faço para perder essa gordura toda? Profissionais de educação física em geral dizem que não é uma tarefa fácil, contudo a já manjada orientação da boa educação alimentar associado à prática regular de atividades físicas, ainda é a melhor opção. Se você anda sem tempo de freqüentar uma academia uma boa dica é a prática da caminhada.

Tomar algumas cervejinhas um dia da semana não vai causar estrago algum no seu corpo. Tomar muitas, e ainda por cima acompanhadas de salaminho, torresmo, azeitona, pasteizinhos, croquetes e etc. provavelmente vão causar. As causas estão explicitadas. as dicas para evitá-la também. Beber sua cervejinha e ainda assim sustentar aquele barrigão de sete meses de gestação, bom, aí já é escolha sua.